Home Mobilidade Urbana Prefeitura de Fortaleza anuncia mais 50km de ciclovias e ciclofaixas

Prefeitura de Fortaleza anuncia mais 50km de ciclovias e ciclofaixas

566
0
COMPARTILHAR
Meta de malha cicloviária de Fortaleza 2017
Meta de malha cicloviária de Fortaleza 2017
Curta nossa página no Facebook

A Prefeitura de Fortaleza anunciou nesta última quinta-feira (09/02) a expansão da Infraestrutura Cicloviária prevista para o ano de 2017 e do novo projeto do Anel Cicloviário e aumento das Ciclovias na capital cearense.

O anúncio foi feito na sede da Autarquia Municipal de Trânsito e Cidadania (AMC), e contou com o coordenador do Plano de Ações Imediatas de Transporte e Trânsito de Fortaleza (PAITT), Luiz Alberto Saboia; a secretária de infraestrutura, Manuela Nogueira; e o chefe de Trânsito da AMC, Acelino Lima.

Clique aqui para ver a apresentação da Infraestrutura Cicloviária.

Com a divulgação da expansão cicloviária da capital cearense, a Prefeitura pretende tornar Fortaleza a cidade “mais ciclável do Brasil”. Para isso, mais 50 Km de ciclofaixas e ciclovias serão implantadas na Cidade até o fim de 2017. Em janeiro, o projeto já foi executado na CE-010 (ponte da Sabiaguaba), Av. Maestro Lisboa (4,6 Km) e na Av. Pontamar, Serviluz (1,1 Km). Já em fevereiro, será a fase de projetos para a execução da rede até julho.

Malha cicloviária atual de Fortaleza
Malha cicloviária atual de Fortaleza

“Desde 2013, estamos consolidando esta política pública. Começamos implantando ciclovias e ciclofaixas, bicicletas compartilhadas e integradas, o passeio aos domingos, e cada vez mais pessoas têm usado a bicicleta para se locomover, principalmente trabalhadores e estudantes. O mais importante é que esta política tem melhorado a mobilidade urbana de Fortaleza e reduzindo os acidentes fatais com os usuários. Saímos de 68 Km, em 2013, para mais de 200 Km, em janeiro de 2017, de estrutura cicloviária na cidade”, comentou o prefeito Roberto Cláudio.

Além dos novos 50 Km de ciclofaixa, a Prefeitura de Fortaleza vai iniciar o projeto com mais 46 Km de infraestrutura, conectando de norte a sul e de leste a oeste a rede cicloviária em volta da Cidade.

Anel cicloviário de Fortaleza
Anel cicloviário de Fortaleza

O Anel Cicloviário reuniu demandas de diversas secretarias e da população, e o projeto será executado em dois anos. A primeira fase, que será concluída em julho de 2017, contará com ciclofaixas na Av. Santos Dumont até a Praia do Futuro (2,3 Km), ligação da Av. Antônio Sales com Av. Washington Soares (2,7 km), Anfiteatro do Cocó à Av. Santos Dumont (2,2 Km) e Av. Pres. Castelo Branco entre Jacinto Matos e Pasteur (1,5 Km).

“Vamos implantar anéis viários para o cidadão contornar a Cidade. Com isso, teremos uma melhor integração para quem usa a bicicleta para se locomover em cinco importantes regiões. Temos certeza que, com a expansão da rede, Fortaleza ganhará novos ciclistas, a paisagem urbana mudará, e as pessoas deixarão de usar os carros para circular de transporte público e bicicleta”, afirmou o Prefeito.

A ação inclui ainda a manutenção das ciclofaixas existentes da malha cicloviária.

Luiz Alberto Saboia destacou que a política da rede cicloviária é transversal em Fortaleza. “Ela envolve inclusão social, saúde pública, sustentabilidade ambiental, sustentabilidade econômica, menos congestionamento e segurança pública. O Bicicletar, que hoje conta com 80 estações, será ampliado ainda este ano e é o sistema mais usado do Brasil”, disse. A novidade é que um projeto voltado para a educação das crianças com o uso de bicicleta será lançado ainda neste semestre pela Prefeitura de Fortaleza.

A densa e constante ampliação da rede destinada ao deslocamento seguro de ciclistas, coordenada pela Secretaria Municipal de Conservação e Serviços Públicos (SCSP), por meio do Plano de Ações Imediatas de Transporte e Trânsito de Fortaleza (PAITT), é resultado de análises técnicas, das diretrizes do Plano Cicloviário, dos diálogos com grupos ciclistas e setores da gestão.

A intenção é incentivar cada vez mais a mobilidade sustentável nos mais variados tipos de deslocamentos em Fortaleza, que segue no caminho certo e continua avançando sempre com o objetivo de se tornar a cidade mais ciclável do Brasil. Os trabalhos são desenvolvidos em parceria com a Autarquia Municipal de Trânsito e Cidadania (AMC), a Secretaria Municipal de Infraestrutura (Seinf) e as Regionais.

Confira o cronograma para 2017:

Janeiro – já executado
CE-010- ponte da Sabiaguaba e Av. Maestro Lisboa – 4,6 km
Av. Pontamar (Serviluz) – 1,1 km

Fevereiro
Fase de projetos

Março
Rua Barão do Rio Branco – 0,9 km
Rua Senador Pompeu – 1 km
Rua Padre Matos Serra – 0,9 km
Rua Coronel Solon – 0,9 km

Abril
Av. Leal Lima Verde – 2,1 km
Av. Pres. Castelo Branco (Jacinto Matos – Pasteur) – 1,5 km

Maio
Av. Santos Dumont (Praia do Futuro) – 2,3 km
Rua Padre Guerra (ciclorrota) – 2,7 km

Junho
Ligação Anfiteatro do Cocó – Santos Dumont – 2,2 km
Av. José Jatahy – 0,8 km

Julho
Ligação Antônio Sales – Rogaciano Leite – 1,5 km
Rua Atilano de Moura – 1,2 km

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here