Home Notícias Atropelamento de ciclista Ciclista tem braço decepado e morre em rodovia de São Paulo

Ciclista tem braço decepado e morre em rodovia de São Paulo

114
0
COMPARTILHAR
Curta nossa página no Facebook

Mais um ciclista morre nas rodovias brasileiras de forma trágica. Dorgival Francisco de Souza estava andando em sua bicicleta quando foi atropelado por volta das 18hs de ontem (4) no Km 17,5 da rodovia Imigrantes, próximo à cidade de Diadema. Como de costume nesses crimes bárbaros, o condutor do veículo fugiu sem prestar socorro à vítima.

A bicicleta ficou irreconhecível e o ciclista teve o braço decepado, que foi encontrado a 2km de distância do local do acidente. Segundo relato de testemunhas, colhidos pela Polícia Civil de São Paulo, o carro envolvido no atropelamento é um Astra de cor prata.

O delegado Miguel Ferreira da Silva, do 4º Distrito Policial de Diadema, que investiga o caso, informou que investigadores estão em busca de câmeras de monitoramento e segurança que possam ter flagrado o carro depois do acidente e que possam ajudar na identificação do foragido. “Equipes estão na rua tentando obter imagens deste veículo. Ainda não conseguimos obter”, afirmou o delegado.

O atual caso lembra outro que aconteceu na capital de São Paulo, quando o jovem David Santos de Souza foi atropelado pelo estudante de psicologia Alex Siwek, tendo seu braço também decepado e jogado em córrego pelo atropelador. Siwek foi condenado a 6 anos de prisão em regime semiaberto, devendo pagar 60 salários mínimos e ter sua carteira nacional de habilitação suspensa por cinco anos.

Decisão judicial posterior reduziu a pena de Siwek para 2 anos de prisão em regime aberto, 8 meses de suspensão do direito de dirigir e ao pagamento de indenização de apenas 10 salários mínimos. Como era réu primário, a prisão foi substituída por serviços prestados à comunidade e pagamento de 50 salários mínimos.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here